Mercedes Classe E 300 e Limousine – Ensaio Teste
Mercedes e Tesla poderão ser afetadas com a tragédia de Baltimore

Mercedes-Benz Vision One-Eleven: Uma janela para o futuro

By on 15 Junho, 2023

Se a Mercedes é uma das marcas de automóveis com mais tradição, isso não a impede de tentar novas abordagens e soluções. E é com base nessa nova visão para o futuro que a marca alemã apresentou ao mundo o Mercedes-Benz Vision One-Eleven. Um novo concecpt car desportivo.

O Vision One-Eleven combina uma linguagem de design dinâmica com uma tecnologia de propulsão totalmente elétrica. Entre as suas características técnicas, destaca-se o motor de fluxo axial extremamente potente e altamente eficiente, desenvolvido pelo especialista em motores elétricos YASA. A empresa britânica é uma subsidiária a 100 por cento da Mercedes-Benz AG desde julho de 2021.

Os destaques tecnológicos incluem um novo conceito de bateria com células cilíndricas de alto desempenho, arrefecidas por líquido, com uma nova química celular, desenvolvido com a ajuda da Mercedes-AMG High Performance Powertrain em Brixworth (que faz os motores para a F1) encontrou o seu caminho neste promissor conceito para futuras baterias orientadas para o desempenho. Além disso, o Vision One-Eleven possui dois potentes motores de fluxo axial da YASA. A Mercedes-Benz está a desenvolver esta tecnologia em conjunto com a YASA até à maturidade da produção em larga escala para os seus motores elétricos da próxima geração.

Para além da sua densidade de potência e binário, outra grande vantagem é o conjunto estreito, que reduz tanto o seu peso como as suas dimensões. O peso de um motor de fluxo axial é apenas um terço do peso dos motores elétricos atuais com a mesma potência. Ao mesmo tempo, requer apenas um terço do espaço ocupado por um motor de fluxo radial. Isto abre opções completamente novas para os engenheiros, bem como novas liberdades na conceção de um veículo elétrico, como demonstrado pelo Vision One-Eleven. A Mercedes não revelou mais dados sobre a unidade motriz,

Quanto ao aspeto exterior, o Mercedes-Benz Vision One-Eleven inspira-se nos C 111 dos anos 60 e 70, que foram utilizados para testar os revolucionários motores Wankel e turbodiesel. Foram também protótipos para testar carroçarias à base de polímeros. Os carros desportivos de motor central são considerados ícones de design da sua época, sobretudo devido às suas portas de asa de gaivota distintivas e à atraente pintura laranja e preta. Um piscar de olhos ao futuro, inspirado no passado.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)