Mercedes-AMG SL 63 MANUFAKTUR agora com edição exclusiva de 100 unidades
Mercedes mostra a sua gama em pista

Elevadores do Museu da Mercedes-Benz conseguem viajar no tempo

By on 14 Janeiro, 2023

Os três elevadores localizados no átrio do Museu da Mercedes-Benz, em Estugarda, têm a capacidade de nos levar até ao ano 1886, o ano em que foi criado o primeiro automóvel do mundo.

O Museu da Mercedes-Benz, na cidade de Estugarda, é uma das visitas obrigatórias para qualquer apaixonado por automóveis, uma vez que inclui a grande maioria dos momentos mais importantes na história da marca.

Antes de se iniciar a visita, no entanto, os mais de quatro mil visitantes que podem passar diariamente pelo museu, vão ter de utilizar esta viagem de 25 segundos e que nos leva ao ano 1886, localizado mesmo no topo do edifício. E depois, toda a exposição está organizada de forma a que os visitantes possam ir diretamente até determinados momentos da história da marca.

Instalados em cada uma das pontas da estrela que podemos ver no átrio do museu, os três elevadores contam com um formato de cápsula metálica, inspirada nos modelos de competição mais antigos da Mercedes-Benz.

Construídos pelo Thyssenkrupp, cada um dos elevadores consegue transportar um máximo de 25 pessoas, numa viagem que demora cerca de 25 segundos. Num dia mais movimentado, com mais de 4.000 visitantes, os três elevadores percorrem cerca de 44 quilómetros, totalizando cerca de 8.000 quilómetros em 225.000 viagens em 2022. Extrapolando estes números, os três elevadores em conjunto fizeram cerca de três circum-navegações do globo desde que o Museu abriu em 2006.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)