Novo Audi e-tron GT: Performance eletrizante
Transferência de propriedade com os melhores valores desde 2019

SymphonHy, a nova gigafábrica

By on 5 Dezembro, 2023

A Symbio inaugura a primeira gigafábrica SymphonHy, a maior unidade integrada de produção de pilhas de combustível de hidrogénio da Europa, apoiando a implantação de uma mobilidade sustentável e eficiente.

A Symbio é uma joint-venture detida em partes iguais pela Forvia, Michelin e Stellantis, inaugura hoje a SymphonHy, a sua primeira gigafábrica, um centro de excelência tecnológica e industrial.

Situada em Saint-Fons, na região de Auvergne-Rhône-Alpes, a SymphonHy é a maior unidade de produção integrada de pilhas de combustível da Europa, confirmando o papel de líder tecnológico e industrial daSymbio. O local alberga a sede do Grupo, uma unidade de produção, um centro de inovação de dimensão inigualável e a Academia de Hidrogénio Symbio. Com a sua tecnologia de vanguarda, a SymphonHy possui um elevado nível de automação e robótica, apoiando a produção industrial em grande escala a um custo mais competitivo. Estes desenvolvimentos são fundamentais para acelerar a implantação de transportes competitivos e de elevado desempenho movidos a hidrogénio e contribuem para a transição energética e para as ambições da Europa de avançar para as zero emissões líquidas.

Os números da SymphonHy:

• Uma capacidade de produção atual de 16.000 unidades, com o objetivo de atingir 50.000 em 2026

• Uma superfície atual de 26.000 m2, passando a 40.000 m2 até 2026

• 7.000 m2 de espaço dedicado à inovação

• 8.000 m2 de salas limpas com certificação ISO 8

• Mais de 450 engenheiros, dos quais 100 estão dedicados à inovação e cerca de 20 doutorados, abrangendo uma vasta gama de disciplinas (engenharia eletroquímica, química, ciência dos materiais, etc.), reunidos num único centro de inovação de nível mundial

• Um local autossuficiente em termos energéticos e com certificação “Muito Bom” pelo BREEAM.

A SymphonHy permitirá à Symbio apoiar os seus clientes na transformação da mobilidade a hidrogénio com emissões zero numa realidade acessível, sem comprometer o desempenho.

Com mais de 30 anos de experiência, o apoio dos seus acionistas, líderes no mundo automóvel, e com seis milhões de quilómetros de testes de estrada já realizados, a Symbio desenvolveu uma experiência única. O Grupo oferece um vasto portefólio de soluções que satisfazem todos os requisitos de potência, durabilidade e autonomia para uma mobilidade eficiente com zero emissões, desde veículos comerciais ligeiros e médios, camiões, pick-up, autocarros e até equipamentos de elevação e movimentação mecânica fora de estrada.

A Stellantis, um dos principais construtores automóveis do mundo e também um co-acionista da Symbio, foi a primeira empresa a comercializar uma solução de hidrogénio com zero emissões para veículos comerciais ligeiros nos modelos Peugeot e-Expert, Citroën e-Jumpy e Opel Vivaro-e. A empresa está a expandir a sua gama para incluir grandes furgões com uma arquitetura de média potência, uma autonomia até 500 km e um tempo de reabastecimento inferior a 10 minutos. A Stellantis confirmou hoje os seus planos para desenvolver uma tecnologia de hidrogénio para as suas pick-up da marca Ram, em linha com o seu objetivo de eletrificar o seu portefólio de veículos com uma autonomia de 320 milhas ALVW (512 quilómetros) ou 200 milhas GCWR (320 quilómetros) e com reabastecimento rápido do depósito, sem comprometer a capacidade de carga útil. Todos estes veículos serão equipados com pilhas de combustível produzidas pela Symbio.

Carlos TAVARES, CEO daSTELLANTIS:“A Symbioé a prova de que três empresas de raiz francesa e líderes nos seus respetivos domínios podem unir forças e conhecimentos para estarem na vanguarda. A inauguração de hoje marca um passo importante, uma vez que o hidrogénio faz parte do conjunto de tecnologias que estamos a apresentar aos clientes de veículos comerciais. Esta tecnologia é um elemento fundamental do poderoso ecossistema de eletrificação que estamos a desenvolver para apoiar o nosso ambicioso objetivo de alcançar, até 2030, vendas 100% elétricas na Europa e 50% nos EUA. Como o objetivo da Stellantis é ‘liderar a forma como o mundo se move’, o hidrogénio contribuirá para alcançar o nosso ambicioso objetivo de zero emissões de carbono até 2038, à frente da concorrência na nossa luta contra as alterações climáticas”.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)